19ª FISP | Feira Internacional de Segurança e Proteção

De 03 a 05 de outubro de 2012, no Centro de Exposições Imigrantes, acontece a 19ª. FISP | Feira Internacional de Segurança e Proteção. Com entrada gratuita, o encontro reunirá 700 empresas expositoras e cerca de 45 mil visitantes, que buscam novidades e soluções voltadas à prevenção de acidentes e doenças do trabalho.

Promovida pelo Grupo Cipa Fiera Milano, o evento tem como objetivo o desenvolvimento de uma cultura cada vez mais prevencionista, não somente no ambiente de trabalho, mas também fora dele. O público alvo é composto de profissionais de enfermagem e médicos do trabalho, psicólogos, fonoaudiólogos, engenheiros e técnicos de segurança do trabalho, inspetores de risco, segurança patrimonial, cipeiros, bombeiros, gerentes, diretores, compradores e vendedores.

Apesar das fortes campanhas, legislação e fiscalização cada vez mais rigorosas, grande parte dos acidentes de trabalho ainda decorrem da falta de treinamento e do não uso ou falta de equipamentos de proteção individual. De acordo com dados dos Ministérios da Previdência Social (MPS) e do Trabalho e Emprego (MTE), em 2010, foram registrados 701.496 acidentes de trabalho. Os números oficiais destes acidentes no país se referem apenas ao setor formal do mercado de trabalho, não se contabilizando quase 20 milhões de trabalhadores informais que não contribuem para a previdência. O custo gerado pelos acidentes entre trabalhadores de empresas com carteira assinada é estimado em cerca de R$ 70 bilhões. A retomada das obras de infraestrutura e construção imobiliária elevou em 10% o número de acidentes de trabalho no país Jan-Out 2011 (40.779) x 2010 (37.035) Fonte: Ministério da Saúde

Diversas são as causas das ocorrências, como riscos ergonômicos, acidentes de trajeto, travamento de máquinas e equipamentos, até quedas, entre outros. Os acidentes mais frequentes são fraturas, luxações e outros ferimentos graves até a morte. Em seguida aparecem casos de distúrbios relacionados ao esforço repetitivo (Ler/Dort) e dores nas costas, onde a prevenção se dá por correções posturais, adequação do mobiliário e dosagem da carga de trabalho. Na sequência, os transtornos mentais e comportamentais como depressão, estresse e ansiedade. José Roberto Sevieri, diretor do Grupo Cipa Fiera Milano, destaca que uma cultura de trabalho saudável, minimizando riscos e acidentes, começa com o comprometimento de empresários e gestores. Para ele, a segurança e saúde do trabalho tem apresentado evolução continuada, com o aprimoramento das normas, dos equipamentos, dos profissionais e a propagação de informações. Paralelamente à feira, eventos simultâneos voltados à prevenção como a 10ª. FIRE SHOW, voltada para os segmentos de prevenção e de combate a incêndio; a EXPO SAMU | Feira dos Fornecedores dos Serviços de Atendimentos Móveis de Urgência, que apresentará equipamentos como: macas, desfibriladores, estetoscópios e outros que fazem parte da rotina desses profissionais; e a PLANETA EXPO | Feira de Tecnologias e Ações para a Preservação da Vida, que agrupará em um mesmo espaço empresas fornecedoras e importantes cases de sucesso para a implantação de programas de sustentabilidade.